SEDUCE PETROLINA

Petrolina 

Por Jonas Santos

São muitas as versões sobre a origem do nome da cidade. Há versões em que o nome da cidade foi em homenagem ao então Imperador Dom Pedro II e sua esposa Dona Leopoldina. Em outra, menciona-se a existência de uma pedra linda que havia na margem do rio, pedreira da qual foi retirada matéria-prima para a construção de um dos maiores monumentos históricos da cidade, a Igreja Catedral. E, também falam-se do escritor Santana Padilha que deixou escrito em seu livro Pedro e Lina que o nome da cidade se daria pelo fato de os dois primeiros moradores se chamarem Pedro e Lina e na ocasião do seu casamento o Frei Henrique, de sotaque italiano, ao pronunciar seus nomes fez-se ouvir Petrolina (PETROLINA, 2014).

Chamada de "Passagem de Juazeiro", Petrolina era caminho para a vizinha cidade de Juazeiro, na margem oposta do Rio São Francisco no Estado da Bahia. A passagem servia como ponto de apoio do desenvolvimento da zona sertaneja do Estado, com vias de acesso para os Estados do Piauí, Ceará, Bahia, Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo (PETROLINA, 2014).


LOCALIZAÇÃO, CLIMA E HIDROGRAFIA DE PETROLINA


O Município de Petrolina localiza-se na região nordeste do país, na mesorregião do São Francisco Pernambucano, encontra-se a aproximadamente 700 km de Recife e a 500 km de Salvador. Posição de importância estratégica, por ser equidistante das sedes das regiões metropolitanas de Recife, Salvador, Teresina e Fortaleza. “Esta localização lhe proporciona uma função articuladora entre estas metrópoles e capitais regionais” (INFRAERO, 2014).

O município limita-se com os municípios Afrânio-PE, Dormentes-PE, Lagoa Grande-PE, Casa Nova-BA e Juazeiro-BA, O clima é semi-árido quente (PETROLINA, 2014). No inverno existe muita mais pluviosidade em Petrolina do que no verão. A temperatura média é 24.8 °C. Pluviosidade média anual de 433 mm. (CLIMATE-DATA, 2014).

O município está inserido na bacia hidrográfica do Rio São Francisco, do Rio Pontal e do grupo de bacias de pequenos rios Interiorizados de Cristália, Nova Descoberta, Tapera, Izacolândia, Pedrinhas, Uruás, Lagoa dos Carneiros e Caatinguinha.

Quanto as vias de acesso à cidade, o município é cortado pelas rodovias federais BR-232, BR-110, BR-316, BR-428 e BR-122 e estadual PE-360 (PETROLINA, 2014).Além disso, o município conta com o aeroporto Senador Nilo Coelho que vem apresentando constante aumento no número de pousos e decolagens, em 2010 foram 7.396. O número de passageiros quase dobrou nos últimos anos. Em 2010, foram 254.185 passageiros embarcados e desembarcados que em 2013 aumentou para 473.471. O aeroporto de Petrolina está operando com três empresas aéreas(Avianca, Azul e GOL), seis voos diários com destino a: Campinas (SP), Guarulhos (SP), Recife (PE) e Salvador (BA) e ainda possui frequência semanal (madrugada das quartas-feiras) de um voo cargueiro para a Europa (Luxemburgo). (INFRAERO, 2014).



DADOS DEMOGRÁFICOS


De acordo com os dados do último censo (IBGE, 2010), Petrolina possui uma população de 293.962 habitantes enquanto que a população estimada para 2016 foi estimada em 337.683. A população residente em área rural totaliza 74.747 habitantes (25,42%).

A área dessa unidade territorial é 4.561,872 km2 traduzindo-se numa densidade populacional de 64,44 hab/km2. De acordo com os dados do Censo (2010) Petrolina apresenta densidade demográfica menor que a média de Pernambuco que é 89,62 (hab/km²).

Em relação à distribuição da população por sexo, segundo o IBGE (2010), os homens correspondem a 48,7% e as mulheres 51,2%. Essa prevalência do sexo feminino apresentou-se em todas as faixas etárias a partir dos 14 anos. Na área rural de Petrolina, a população masculina é de 51,51% (IBGE, 2010).



DADOS SOCIAIS


O Índice de Desenvolvimento Humano Municipal da Unidade (IDHM2) de Petrolina em 2010 foi de 0,697 essa medida situa esse município na faixa de IDHM médio (entre 0,6 e 0,699). Dessa forma, em relação a todos os 185 municípios de Pernambuco, Petrolina encontra-se na 6ª posição. Petrolina ocupa a 1995ª posição entre os 5.565 municípios brasileiros segundo o IDHM (PNUD, 2013).

Conforme pode-se observar na Figura 4 Petrolina passou de 0,58, em 2000, para 0,697, em 2010 o que implicou numa taxa de crescimento de 20,17% (PNUD, 2014). Mesmo com taxa de crescimento inferior a de seu estado, o IDHM desse município consegue ser superior. Pernambuco em 1991 passou de 0,440 para 0,673 em 2010 isso implicou numa taxa de crescimento de 23,71%, conforme pode-se observar na Tabela 2. A dimensão que mais contribui para o IDHM de Petrolina foi Longevidade, com índice de 0,799, seguida de Renda, com índice de 0,695, e de Educação, com índice de 0,611 (PNUD, 2013).



ECONOMIA


A produção de vinhos no Vale do São Francisco é um dos pontos que impulsionam o desenvolvimento econômico e turístico da região. O incentivo à produtividade da uva e da fruticultura irrigada fez com que o município virasse o segundo polo vitivinicultor e um dos maiores exportadores de manga do Brasil. São produzidas em Petrolina cerca de 2,5 safras anualmente, fato que vem despertando o interesse de empresários do mundo inteiro. São empregadas técnicas avançadas de agricultura irrigada, utilizando-se as águas do rio São Francisco. Além do vinho, a região contempla atualmente a maior produção de frutas do país, sendo responsável por uma parcela de 30% das exportações brasileiras do setor; as condições de solo, insolação e umidade favorecem a produção de frutos de alta qualidade. A fruticultura irrigada tem proporcionado boas experiências aos agricultores de Petrolina e dos outros municípios que compõem a Região de Desenvolvimento do Sertão do São Francisco. É cada vez mais frequente o número de produtores que abrem mão da agricultura tradicional para investir em fruticultura irrigada na região que tem maior potencial de exportação.



TURISMO

Ilha do Fogo

A cidade tem uma orla urbana bem estruturada e uma tradição no artesanato com a fabricação de carrancas. A maior representante desse artesanato é Ana das Carrancas, com um acervo diversificado de peças em barro e madeira. Em 2000, a artesã foi homenageada com o Museu Ana das Carrancas, um dos principais pontos turísticos da cidade. Nele, podem ser encontrados trabalhos da própria artesã, como de suas filhas e de outros artistas da região. No meio do Velho Chico, ilhas enfeitam a paisagem. A Ilha do Rodeadouro,de areias finas e douradas, possui diversas barracas, com som ao vivo nos finais de semana, e o tradicional peixe ribeirinho, o surubim, feito na brasa. O local é o ponto de encontro de petrolinenses e juazeirenses. Uma boa opção para quem quer relaxar desfrutando da beleza natural de Petrolina é o passeio fluvial. São barcas que realizam uma rota turística que vai desde o Cais, na Orla de Petrolina, passando pelas Ilhas do Massangano, Maroto, Pantanal, Rodeadouro, até a Ilha da Amélia. Os passeios que duram cinco horas (ida e volta) proporcionam aos passageiros, música, lindas paisagens e paradas para mergulho. Outro ponto turístico bem movimentado é o Balneário das Pedrinhas, tradicional vila de pescadores da região, com seus restaurantes e o refrescante banho de rio. Em Petrolina, está localizado o maior complexo gastronômico ao ar livre da América Latina quando o assunto é carne de bode. No Bodódromo, como é conhecido o espaço, os turistas podem apreciar o principal prato típico da região: o bode assado.


Secretaria de Educação, Cultura e Esportes 

Composta por Secretarias Executivas, Assessoria Técnica, Jurídica, de Infra-estrutura e de Gabinete. 

Secretaria Executiva de Gestão de Rede 

Atribuições da Secretária Executiva de Gestão de Rede:



Secretaria Executiva de Gestão de Rede: gerenciar a gestão da Rede Municipal de Ensino em consonância com o padrão de qualidade estabelecido; gerenciar o ordenamento da Rede Municipal de Ensino, no que tange a matrícula, sistematização de dados (CENSO) e informações de indicadores de demandas reprimidas, para viabilizar a ampliação da oferta de vagas; elaborar o calendário letivo oficial da Rede Municipal de Ensino; administrar o prédio sede do Centro Administrativo Pedagógico (CAP); egionais; gerenciar as ações da gestão escolar no que concerne a implementação, fortalecimento e direcionamento dos órgãos colegiados, bem como dos órgãos gerenciadores de recursos financeiros; gerenciar e elaborar normativas da Secretaria de Educação; gerenciar e orientar sobre o processo para credenciamento das unidades educacionais da Rede Municipal de Ensino, bem como as instituições de ensino privadas de Educação Infantil, pertencentes ao Sistema Municipal de Ensino do Recife (SMER), inclusive as comunitárias (conveniadas ou não); gerenciar e acompanhar o Programa Nacional do Livro Didático (PNLD); acompanhar e monitorar o Projeto de Verificação Oficial Limitadora das Taxas de Evasão e Infrequência (Projeto V.O.L.T.E.I), realizado em parceria com o Ministério Público do Estado de Pernambuco; gerenciar e acompanhar os programas sociais ofertados aos estudantes, por meio da Unidade de Atendimento Social e Emocional (UASE); e acompanhar e monitorar o Projeto do Busca Ativa Escolar (BAE) realizado em parceria com o Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF).





Atribuições 

São competências da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes – SEDUCE:


Metas Educação

Nossa rede:

A SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO, CULTURA E ESPORTES DE PETROLINA - SEDUCE

Tem como missão "Garantir a todos os estudantes o direito a educação de qualidade, com o foco na aprendizagem em rede, promovendo equidade social".

Ancorada nos princípios da gestão participativa e democrática, da ética, da equidade, da legalidade, da publicidade, da eficiência, da impessoalidade, da justiça e da corresponsabilidade, busca a realização do trabalho educacional que assegure o sucesso do estudante e o desenvolvimento de competências essenciais a sua formação cognitiva e de sua cidadania.

Como o sistema da SEDUCE "atende" em sua rede 56400 estudantes da educação infantil, do ensino fundamental, anos iniciais e finais e da educação de jovens e adultos, distribuídos em 1645 salas de aulas em 221 Unidades Escolares Municipais: 89 escolas, 47 CMEIS, 2 conveniadas e 83 unidades do Programa Nova Semente. 

Localização 

Av. Coronel Clementino Coelho, 714 – Parque Bandeirante

CEP: 56.308-915 – Petrolina/PE

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE PETROLINA - SEDUCE

ATENDIMENTO

Segunda a sexta, das 7h às 12h e das 13h às 17h

CONTATO

E-mail: sedu@petrolina.pe.gov.br